Qual o momento certo de trocar de carro?

Há quem simplesmente sinta vontade e vá a uma concessionária mudar de carro. Outros apenas veem um novo modelo de seu veículo preferido e mudam. Trocar de carro é possível a qualquer momento para quem pode pagar, mas pode ser algo a ser feito com mais cautela. Escolhendo o momento certo para a troca economiza-se em diversos fatores e pode-se aproveitar uma melhor oportunidade.

Car being towed

Por que não manter muito tempo um carro?

Poucos hoje mantém o mesmo veículo na garagem por muitos anos através do licenciamento digital 2022. O apego sentimental deixou de ser importante quando se trata de ser dono de um carro. Um dos principais motivos é o preço: quanto mais anos de vida possui um veículo mais barato ele fica.

A desvalorização no mercado de automóveis é uma das mais rápidas. É possível vender uma roupa usada poucas vezes por menos R$ 50 do seu valor original, mas com o carro não. Já saindo da loja ele deixa de ser 0 km e começa a valer 10% a menos. Com mais de um ano 30% do valor original é daquele carro o qual você removeu os plásticos dos bancos e pneu.

Manter um veículo novo na garagem por muitos anos não vale a pena no mercado. Sendo comprado 0 km ou não é mais vantagem passar adiante.

O momento certo de vender um 0 KM

Os fãs de modelos de carros do ano que adquirem sempre 0 km devem escolher o momento certo para vender perdendo menos. E qual seria este tal momento? Antes da primeira revisão.

A primeira revisão deve acontecer sempre entre os 50 e 60 km rodados. É a mais cara, quando deve-se trocar correia dentada, pneus e amortecedores. Se a ideia é economizar em gastos pode colocar para venda.

Com menos de 60 mil km rodados o veículo está em ótimo uso e com bom valor no mercado. Para quem compra ele arca com baixos custos e aproveitar o bom olhar do mercado por ser um carro semi novo.

É após os 50 km rodados que as chances das peças começarem a quebrar são maiores. Os mecânicos dizem que é quando “começa a dor de cabeça”. Então trocar por um novo (em especial para quem não entende nada de carros) é o período ideal.

O momento certo de vender um carro comprado já usado

Com os carros usados é importante manter a ideia de que acima de 200 km rodados ele vale muito pouco. Quanto mais rodar mais chances de perder dinheiro em uma revenda. E com quilometragem alta os problemas são constantes.

O ideal é vender quando o motor ainda está com o máximo das peças originais. É quando as concessionárias pagam mais se a ideia for dar o veículo como entrada. Não importa o estado da pintura e lataria desde que o motor esteja em ótimo estágio de conservação.

Os compradores particulares observam mais detalhes de pintura e lataria. Vale a pena levar o carro para a oficina para um ‘martelinho de ouro’ e pintura nova se for muito danifica em acidentes e ação do sol e do tempo.

Há quem simplesmente sinta vontade e vá a uma concessionária mudar de carro. Outros apenas veem um novo modelo de seu veículo preferido e mudam. Trocar de carro é possível a qualquer momento para quem pode pagar, mas pode ser algo a ser feito com mais cautela. Escolhendo o momento certo para a troca economiza-se em diversos fatores e pode-se …

Caixa passa a pagar benefícios sociais por meio da conta poupança digital

A vida digital vem ganhando força e facilitando transações e com isso a vida de muita gente. Resolver pagamentos e procedimentos financeiros apenas com um clique e na palma das mãos é um incrível avanço na tecnologia e que vem conquistando cada vez mais pessoas.

Devido ao grande número de usuários de aplicativos de transações e a percepção de seus benefícios e facilidades órgão públicos começam a adequar seus sistemas a eles para assim facilitar procedimentos e viabilizar atividades como a visualização do calendário de pagamento do Bolsa Família em 2022.

Entenda como fazer o Cadastro Bolsa Família 2022.

Inovação caixa econômica

Diante do momento que vivemos a criação e utilização de aplicativos para cada vez mais praticas do dia a dia vem ganhando força e instituições públicas vem se adequando a esse momento atualizando seus procedimentos como é o caso da Caixa Econômica Federal.

A caixa começa a lançar seus pagamentos de benefícios através da conta poupança digital por meio do aplicativo caixa tem. Essa ação vem para facilitar a vida de muitas pessoas, principalmente para quem não tem uma conta na caixa econômica. Trabalhadores de carteira assinada que são clientes de outros bancos poderão começar a receber o abono salarial sem a necessidade de comparecer a agência, a própria caixa depositar o benefício na conta poupança social onde os beneficiários só precisarão fazer o cadastro e começar a usar o aplicativo podendo depois transferir o valor para seus respectivos bancos.

Como surgiu a conta poupança digital?

No ano de 2020 a utilização da conta poupança digital ganhou força principalmente devido ao Auxílio Emergencial concedido pelo governo federal. A partir daí a utilização da plataforma para pagamentos pela poupança digital foi autorizada por lei e sancionada no fim de outubro, possibilitando assim o pagamento de diversos benefícios sociais e trabalhistas por meio digital.

As contas são abertas de forma gratuitamente e não tem a necessidade da apresentação de nenhum documento. Os trabalhadores e beneficiários são capazes de movimentar o dinheiro pelo próprio aplicativo, pagando boletos, contas domésticas e fazer compras em estabelecimentos parceiros ao programa do caixa tem. Através do aplicativo também é possível fazer até três transferências de forma gratuita para qualquer conta bancária desejada.

Essa inovação de pagamento surgiu para facilitar a vida de muitos trabalhadores e beneficiários que perderam a necessidade de comparecer a caixa econômica federal podendo resolver todas as suas questões em casa, tudo isso graças a tecnologia que avança a passos largos ajudando milhões de pessoas e com inúmeras áreas de atuação.

A vida digital vem ganhando força e facilitando transações e com isso a vida de muita gente. Resolver pagamentos e procedimentos financeiros apenas com um clique e na palma das mãos é um incrível avanço na tecnologia e que vem conquistando cada vez mais pessoas. Devido ao grande número de usuários de aplicativos de transações e a perc…

Embora atinja muitos brasileiros, valor do PIS não é de conhecimento de todos

Embora atinja muitos brasileiros, o valor do PIS 2021 não é de conhecimento de todos. Além disso, o seu funcionamento, informações principais e exigências, também geram muitas dúvidas. Vale lembrar que o valor do PIS 2021 não é acumulativo, isso significa que se o trabalhador deixar de sacar alguma cota, o dinheiro não será unido ao da próxima parcela.

O que é o PIS?

O Programa de Integração Social (PIS), foi criado a partir de uma lei federal em 1970. A princípio o objetivo era o de criar um fundo similar ao FGTS, que serviria como uma forma de poupar e render o dinheiro do trabalhador da rede de iniciativa privada.

No entanto, esse sistema foi modificado e passou a fazer o pagamento anualmente. O processo também é conhecido como abono salarial, e depende principalmente da empresa em que o funcionário está empregado.

O Ministério do Trabalho e a Caixa Econômica Federal são os órgãos responsáveis por administrar esse fundo. O pagamento do PIS é feito em uma sequência de lotes, seguindo a data de nascimento do trabalhador.

Quem tem direito ao PIS 2021?

O valor do PIS 2021 se difere dependendo de cada trabalhador. Para isso, o próprio beneficiado precisa verificar qual o seu atual saldo referente ao fundo.

Podem haver complicações no cadastro dos funcionários que têm o direito ao PIS. Isso pode ser resultado de erros por parte da empresa, caso isso aconteça o indicado é procurar o setor administrativo e de Recursos Humanos (RH).

Valor PIS 2021

Para que seja definido o valor PIS 2021, são levados em consideração o valor do salário do trabalhador e o tempo de serviço exercido na empresa.

Por tanto, o valor não é pré-estabelecido para todos os beneficiados. E segue um cálculo previsto em lei:

Número de meses trabalhados no ano-base multiplicado por 1/12 do valor do salário mínimo vigente na data do pagamento.

Saque PIS 2021

O recebimento do valor PIS 2021 é feito conforme o mês de aniversário do beneficiado. Para isso, é preciso portar um cartão da Caixa Econômica Federal, seja de conta corrente ou o Cartão Cidadão. Em seguida, seguir a tabela PIS 2021 para a efetuação do saque PIS 2021.

  • Nascidos em Julho: recebem a partir de 26/07/2018;
  • Nascidos em Agosto: recebem a partir de 16/08/2018;
  • Nascidos em Setembro: recebem a partir de 13/09/2018;
  • Nascidos em Outubro: recebem a partir de 18/10/2018;
  • Nascidos em Novembro: recebem a partir de 20/11/2018;
  • Nascidos em Dezembro: recebem a partir de 13/12/2018;
  • Nascidos em Janeiro e Fevereiro: recebem a partir de 17/01/2021;
  • Nascidos em Março e Abril: recebem a partir de 21/02/2021;
  • Nascidos em Maio e Junho: recebem a partir de 14/03/2021.
  • Todos os trabalhadores têm data limite para recebimento até: 28 de junho de 2021.

Consulta PIS 2021

A consulta PIS 2021 permite que seja identificada as datas de pagamento, quais são os recebimentos futuros e passados. Quer dizer, é um extrato PIS 2021. Esse processo pode ser feito via central de atendimento telefônico da Caixa, no caixa eletrônico ou na internet. Veja:

  • Acesse o site da Caixa Benefícios e na opção ‘Benefícios e Programas’, selecione ‘PIS’;
  • Clique na opção ‘Consultar pagamento’;
  • Insira número do NIS/PIS e senha de internet, a senha deve ser criada no banco.
Embora atinja muitos brasileiros, o valor do PIS 2021 não é de conhecimento de todos. Além disso, o seu funcionamento, informações principais e exigências, também geram muitas dúvidas. Vale lembrar que o valor do PIS 2021 não é acumulativo, isso significa que se o trabalhador deixar de sacar alguma cota, o dinheiro não será unido ao da …

Câmara cria comissão para analisar novo seguro obrigatório

Detran RS – Se você possui algum veículo automotor que circule por vias terrestres no estado de Rio Grande do Sul, deverá ficar sempre atento aos impostos e serviços que devem ser pagos para poder estar circulando com seu carro ou moto de forma regular. Portanto quem é motorista habilitado já deve ter conhecimento a respeito do Imposto sobre Propriedade de Veículos Automotores (IPVA RS) e do seguro de Danos Pessoais Causados por Veículos Automotores de Via Terrestre (DPVAT RS).

Para quem não sabe o Detran Rio Grande do Sul Departamento Estadual de Trânsito, e o órgão do estado de Rio Grande do Sul tem investido muito no seu atendimento eletrônico e nos servidores públicos visando sempre facilitar a vida de todos os cidadãos que utilizam os seus serviços. O mesmo é responsável pelo IPVA, Seguro Obrigatório e Licenciamento do veículo.

Hoje é o usuário consegue resolver todos os tipos de problemas relacionados ao seu veículo acessando esta plataforma online, e isto é possível pelo fato de a mesma disponibilizar recursos que ajudam nas pendências do seu dia a dia.

IPVA RS

O Imposto sobre Propriedade de Veículos automotores, mais conhecido pela sigla IPVA do estado de Rio Grande do Sul é cobrado para todos aqueles que são pessoas físicas ou jurídicas e possuem carro ou moto circulando pelas ruas do estado. Fique sempre atento ao calendário de pagamento do seu imposto para que nenhuma dívida fique pendente.

Caso você pague o seu IPVA RS fora do prazo de vencimento, o motorista estará sujeito a penalidades como multas aplicadas pelo Detran Rio. Grande do Sul, e em ocorrência de casos mais graves, o veículo pode ser até mesmo apreendido.

Acesse: www.detran.rs.gov.br.

Detran RS – Se você possui algum veículo automotor que circule por vias terrestres no estado de Rio Grande do Sul, deverá ficar sempre atento aos impostos e serviços que devem ser pagos para poder estar circulando com seu carro ou moto de forma regular. Portanto quem é motorista habilitado já deve ter conhecimento a respeito do Imposto sobr…

Sistema de ensino superior no Brasil é composto por escolas públicas e privadas

O ensino secundário superior no Brasil, conhecido localmente como Escola Secundária ou Escola Secundária, tem quatro anos de duração e é projetado para estudantes entre 15 e 18 anos.

A participação neste nível opcional de educação varia de acordo com a região e nível socioeconômico, onde as cidades maiores têm a maior taxa de atendimento, especialmente entre crianças de famílias afluentes.

O currículo básico no ensino médio também foi elaborado pelo Ministério da Educação. Inclui matemática, línguas estrangeiras, português, história / governo, geografia, ciência, tecnologia, artes, música, educação física, filosofia e sociologia.

Estrutura do Ensino Superior

O sistema de ensino superior no Brasil é composto por escolas públicas e privadas, esta última feita por organizações sem fins lucrativos e com fins lucrativos. O último censo no Brasil incluiu 1.900 instituições de ensino superior, das quais 163 eram universidades.

Se você deseja iniciar um curso em uma universidade poderá realizar o Exame Nacional do Ensino Médio, mais conhecido como Enem, que dá a oportunidade dos estudantes de estudar em uma universidade pública ou privada.

A prova do Enem é constituída por 4 provas objetivas, possuindo cada uma, 45 questões, mais a redação. Sendo as disciplinas em todas as áreas do conhecimento.

Ensino Superior

Quase metade dessas universidades são públicas, embora 70% do mercado total de ensino superior seja privado, já que o número de instituições privadas aumentou nos últimos anos para acompanhar a demanda pelo ensino superior e formação profissional.

A admissão a universidades públicas no Brasil é extremamente competitiva, dado que os alunos não pagam taxas de admissão e devido à percepção pública da qualidade do ensino superior nessas universidades.

As universidades públicas se destacam nas ciências agrárias e humanas, como medicina, formação de professores e psicologia, enquanto as instituições privadas são distinguidas pelas ciências sociais aplicadas, como legislação, administração e economia.

O ensino secundário superior no Brasil, conhecido localmente como Escola Secundária ou Escola Secundária, tem quatro anos de duração e é projetado para estudantes entre 15 e 18 anos. A participação neste nível opcional de educação varia de acordo com a região e nível socioeconômico, onde as cidades maiores têm a maior taxa de aten…

Grande empresa brasileira oferece oportunidade de emprego

No Brasil, poucas empresas duram muito tempo. Na maioria das vezes, elas falem e dão lugar para uma concorrente mais forte e com mais vigor para encarar o mercado. O concurso Banco do Brasil 2020 só mostra como esse banco está mais forte do que nunca, mesmo após quase 200 anos de história.

Esse, que é o primeiro banco do Brasil, guarda memória de milhões de brasileiros, que a ele confiaram seu dinheiro e sua vida. Hoje em dia, são poucas as empresas estatais que têm a força do Banco do Brasil e poucos os bancos que fazem frente a ele. Leia um pouco mais sobre o edital Banco do Brasil 2020 e saiba como ingressar no mesmo.

Inscrição Banco do Brasil 2021

No ano que vem, você terá a oportunidade de lutar por uma das vagas Banco do Brasil 2021. Todos os brasileiros sabem que conseguir um emprego nessa empresa é um verdadeiro sonho, já que os salários são altos, a participação nos lucros também e há um plano de carreira bastante caprichado.

Para você ter a chance de participar do processo seletivo fique ligado no edital Banco do Brasil 2021, será preciso que realize a sua inscrição Banco do Brasil 2021. Dessa maneira, carimbará o seu passaporte para os dias de avaliação! Lembre-se de que há uma taxa de inscrição, que deverá ser paga para confirmar a participação no evento.

Edital Banco do Brasil

Dentre os deveres do concurseiro, sem sombra de dúvidas, ler o edital Banco do Brasil 2021 é um deles. Isso porque esse documento é composto por todo tipo de informação que auxilia o candidato a ter uma participação mais decisiva. Informações quando ao cargo marcam presença, detalhando a carga horária, funções e salário da vaga. Além disso, descreve os assuntos que comporão a prova Banco do Brasil 2020.

Por fim, após ler o edital Banco do Brasil 2021 e realizar a inscrição, o candidato estará mais do que apto a realizar a prova e garantir uma boa nota, para conquistar uma das vagas. Após responder a avaliação, o gabarito Banco do Brasil 2021 será liberado ao público. Use-o para descobrir a sua nota e depois aguarde o resultado Banco do Brasil 2021, para saber se é um dos sortudos que está com o emprego dos sonhos.

No Brasil, poucas empresas duram muito tempo. Na maioria das vezes, elas falem e dão lugar para uma concorrente mais forte e com mais vigor para encarar o mercado. O concurso Banco do Brasil 2020 só mostra como esse banco está mais forte do que nunca, mesmo após quase 200 anos de história. Esse, que é o primeiro banco do Brasil, guarda mem…

Como estudar para o ENEM

Uma das provas mais importantes exames do universo de vestibular é o Exame Nacional do Ensino Médio, mais conhecido como Enem. Nessa prova, é testado além do conhecimento dos candidatos, também a resistência física, já que esse exame é bastante demorado e exige um grande esforço físico dos alunos que a realizam.

Por isso, um estudo visando o Enem não deve ser pensando apenas no aspecto do conteúdo, que é importante, mas também na capacidade de manter a concentração e o foco por longos períodos de tempo, de até cinco horas.

Dessa forma, esse treino para o Enem deve ser realizado de maneira bastante específica para esse exame, fazendo com que você consiga ler longas questões por diversas horas seguidas, fazendo com que você esteja preparado para realizar uma boa prova.

Fazer uma redação por semana

Uma primeira forma de estudar para o Enem 2021 é realizando uma redação por semana, já que dessa forma, você se prepara para quando for realizar essa parte da prova. Para esses treinos, é importante não apenas fazer essas redações, como cronometrar o tempo que você leva para realiza-las.

Pois, no dia da prova do Enem, cada minuto que você economiza na confecção da redação, você ganha para realizar o resto das questões, tirando uma melhor nota na prova e também garantindo assim uma maior chance de garantir uma vaga em uma faculdade pública.

Separar os dias de estudo por aéreas específicas

Uma segunda dica de estudo para o Enem 2021 é separar os dias de estudo por aéreas, já que dessa forma você garante um melhor rendimento ao estudar. Por isso, na segunda, por exemplo, estude matemática e física, na terça, somente português, já incluindo nesse tempo a prática de redação.

Na quarta, biologia e mais um tempo que pode ser separado para o inglês, na quinta, história e geografia e na sexta, pode escolher as matérias que você tem mais dificuldade para garantir um tempo extra de estudo. Dessa forma, você se prepara melhor para o Enem e tem a chance de garantir uma boa nota nessa prova, ficando assim mais perto da sua sonhada vaga em uma faculdade pública.

Ler bastante notícias

Umas das partes mais importantes do Enem, além da questão das perguntas das matérias tradicionais, é a questão de atualidade, por ser bastante interdisciplinar, o Enem exige que o candidato tenha conhecimento daquilo que está se passando em todo o mundo.

Por conta disso, a leitura do jornal todos os dias é de fundamental importância para o aluno garantir uma melhor performance na redação do ENEM 2021. Já que além de garantir uma melhora na redação, por ter um vocabulário mais amplo, você ainda garante um conhecimento maior ao longo das questões.

Uma boa dica também é ler notícias internacionais, isso vai te ajudar a responder questões de geografia e também de história, tendo assim uma maior nota nessa parte da prova e uma chance maior de conseguir uma vaga na faculdade.

Uma das provas mais importantes exames do universo de vestibular é o Exame Nacional do Ensino Médio, mais conhecido como Enem. Nessa prova, é testado além do conhecimento dos candidatos, também a resistência física, já que esse exame é bastante demorado e exige um grande esforço físico dos alunos que a realizam. https://www.youtube.co…

Servidores de João Pessoa passam a receber pagamento pelo banco Bradesco

Considerado como um dos maiores grupos financeiros do País, o Bradesco atua desde o ano de 1943, desde então tem como missão trabalhar pela fidelização de seus clientes, contribuindo para o desenvolvimento do País. O banco brasileiro é considerado atualmente como o maior.

O Bradesco tinha como estratégia atrair o pequeno comerciante e o servidor público, mas com o passar dos anos a sua carteira de clientes foi sendo expandida na medida também em que o banco saia do estado de São Paulo e começou a ganhar confiança em outras regiões.

O banco também foi adquirindo novos bancos e expandindo o seu mercado, de forma acelerada e estratégica, o Bradesco também é caracterizado por um banco que visa a inclusão social, por isso dentre os programas oferecidos destaca-se o programa Jovem Aprendiz 2022.

Inscrições

O primeiro passo para quem se inscrever no Jovem Aprendiz Bradesco 2022 é acessar o site acima e clicar na aba Trabalhe Conosco, na página haverá um tópico chamado de “Aprendiz”, clique no mesmo para obter todas as informações e exigências do processo seletivo. Basta clicar em Cadastrar Currículo para preencher todos os dados pessoais, depois clicar em avançar.

Na segunda etapa das inscrições jovem aprendiz Bradesco será necessário preencher as informações sobre os interesses e idiomas, na terceira etapa as informações a serem preenchidas dizem respeito a escolaridade do candidato. Para finalizar o cadastro, preencha a experiência profissional, é importante lembrar que quanto mais informações você fornecer, mais chances terá de ser selecionado de acordo com a vaga do seu interesse.

Considerado como um dos maiores grupos financeiros do País, o Bradesco atua desde o ano de 1943, desde então tem como missão trabalhar pela fidelização de seus clientes, contribuindo para o desenvolvimento do País. O banco brasileiro é considerado atualmente como o maior. O Bradesco tinha como estratégia atrair o pequeno comerciante e o…

Saiba quais são os requisitos para ser bolsista

O ProUni é um programa do ministério da Educação de Universidade Para Todos, que fora fundado afins de conceder bolsas de estudo integral ou parcial de instituições privadas ou públicas para os candidatos que tomou uma nota classificatória no ENEM. Ou seja, o ProUni oferece bolsas de 100 ou 50% para os candidatos que obteve uma certa porcentagem estabelecida pelos cursos para passar.

Para isso é preciso que o mesmo estude bastante para o Exame Nacional do Ensino Médio, pois é através dele que estudantes brasileiros sem diploma de nível superior poderá se ingressar em uma instituição de ensino superior, em cursos de graduação e sequencial de formação específica.

Abaixo você poderá compreender um pouco mais de como realizar a sua inscrição no ProUni e de quais são os requisitos para que você possa realiza-la.

Requisitos para ser bolsista do Prouni

Poderá participar do Programa Universidade Para Todos os estudantes brasileiros que não possuem um diploma de algum curso de educação superior. Além disso precisam atender alguma das opções abaixo. Veja:

  • Ter cursado o ensino médio completo em escola da rede pública;
  • ter cursado o ensino médio completo em escola da rede privada, na condição de bolsista integral da própria escola;
  • Ter cursado o ensino médio parcialmente em escola da rede pública e parcialmente em escola da rede privada, na condição de bolsista integral da própria escola privada;
  • Ser pessoa com deficiência;
  • Ser professor da rede pública de ensino, no efetivo exercício do magistério da educação básica e integrando o quadro de pessoal permanente da instituição pública e concorrer a bolsas exclusivamente nos cursos de licenciatura. Nesses casos não há requisitos de renda.

Para concorrer às bolsas integrais o candidato deve ter renda familiar bruta mensal de até um salário mínimo e meio por pessoa. Para as bolsas parciais de 50%, a renda familiar bruta mensal deve ser de até três salários mínimos por pessoa.

Lembre-se que as vagas no Prouni 2021 são muito concorridas, por isso, você deve se preparar muito e assim realizar a inscrição para o programa.

Inscrição ProUni

Para realizar a sua inscrição no PROUNI 2021 é preciso que você tenha feito o Exame Nacional do Ensino Médio no ano anterior, ou seja, no ano de 2018. Feito isso o candidato terá que entrar no site da instituição a seguir

É por meio desse site que você poderá se inscrever e ter acesso ao login do sistema. Dentro dele, você encontrará logo na página principal a opção “Já sou cadastrado” que só é inserir os seus dados e clicar em entrar para ter acesso ao sistema.

Outra opção é do “Primeiro acesso” no qual serão requisitados o CPF, o número de inscrição no Enem 2018 e a senha cadastrada no site do Enem.

Geralmente as inscrições para o ProUni são abertas no início do ano no final de janeiro. Dentro dele você poderá escolher por ordem de prioridade, até duas opções de cursos de seu interesse em uma ou mais instituições pública ou particular e o tipo de bolsa (integral ou parcial).

Além disso, o candidato poderá alterar suas opções de curso e de instituição, sendo assim será considerada válida a última opção da inscrição realizada.

Após da realização da prova do ENEM será avaliado os candidatos obteve as melhores pontuações do Exame. Caso ocorra empate entre os candidatos o critério de avaliação para os mesmos será julgado pelo sistema.

Sabendo disso, caso você estiver apto aos requisitos para ser bolsista do Prouni realize a sua inscrição no período que estiver aberto e tente passar em alguma instituição. Boa Sorte!!

O ProUni é um programa do ministério da Educação de Universidade Para Todos, que fora fundado afins de conceder bolsas de estudo integral ou parcial de instituições privadas ou públicas para os candidatos que tomou uma nota classificatória no ENEM. Ou seja, o ProUni oferece bolsas de 100 ou 50% para os candidatos que obteve uma certa porcen…

Programa de bolsas de estudos bate novo recorde com 1.032.873 candidatos

Disputa geral no Prouni 2020 fica com 6,3 candidatos por vaga. Concorrência foi muito menor do que no Sisu

A previsão do Blog do Prouni, de que o número de candidatos iria crescer ainda mais nas inscrições Prouni 2021. À meia-noite de segunda-feira, dia 21 de janeiro, o sistema fechou com 1.032.873 candidatos que vão passar dias de ansiedade até sair o resultado da primeira chamada no dia 24 de janeiro. Só na última hora de inscrições foram 23 mil novos candidatos.

O estado que mais colocou candidatos na lista de inscrições foi São Paulo, com 187.489 inscrições, ficando Minas Gerais e Rio de Janeiro no segundo e terceiro lugar, com 141.839, e 75.935 candidatos, respectivamente. Conquistar uma bolsa pelo Prouni 2021 será mais fácil para os candidatos do que vencer a disputa por uma vaga no Sisu. Na disputa por ampla concorrência a média geral foi de 9 candidatos por vaga no Sisu. Já a disputa nas cotas foi bem mais apertada, com praticamente 50 candidatos por vaga.

  • 23,3% das bolsas do Prouni 2021 foram para educação a distância

Um fator importante no Sisu 2021 é a oferta de 23,3% das bolsas de estudo para cursos de graduação oferecidos pela modalidade da educação a distância.  Dentre as 162.329 bolsas remanescentes do Prouni 2021 estão colocadas para cursos a distância 37.783.

A educação a distância é a forma de ensino que mais cresceu no Brasil nos últimos anos, superando em termos percentuais o crescimento de alunos nos cursos presenciais tradicionais. E, nas provas do ENADE, exame que mede a qualidade de saída do estudante do ensino superior, os alunos a distância estão se saindo até melhor do que os colegas do ensino presencial. A mensalidade nos cursos a distância é 50% menor do que nos cursos presenciais. E, mesmo assim, é importante conquistar uma bolsa para quem precisa.

Disputa geral no Prouni 2020 fica com 6,3 candidatos por vaga. Concorrência foi muito menor do que no Sisu A previsão do Blog do Prouni, de que o número de candidatos iria crescer ainda mais nas inscrições Prouni 2021. À meia-noite de segunda-feira, dia 21 de janeiro, o sistema fechou com 1.032.873 candidatos que vão passar dias de ansied…